fbpx

Topo Páginas CEC

Rotulagem de Alimentos para Exportação ao Mercado Europeu

O curso tem como objetivo atualizar profissionais sobre os Regulamentos Técnicos de Rotulagem de Produtos Alimentícios que condicionam o seu acesso aos mercados externos, com ênfase no Mercado da União Europeia, a fim de apoiar a expansão e a diversificação das exportações de empresas brasileiras de alimentos.

Presencial EAD Turma Datas
São Paulo (SP)
Sede do Instituto Racine
Via Internet-Telepresencial 28/Maio/2019

Aulas (Datas Previstas): 28/05 e 04/06/2019.

.

Valores e Forma de Pagamento Clique Aqui e Faça sua Inscrição Online

  • Mercado de Trabalho

    A rotulagem de produtos alimentícios compõe um dos principais aspectos a serem considerados pelas regulamentações sobre alimentos em vigor em vários países. Os erros de rotulagem são um dos fatores significativos que comprometem o acesso de alimentos produzidos no Brasil aos mercados internacionais.
    O Mercado Europeu estabeleceu novo regulamento para Rotulagem de Alimentos, em vigor desde dezembro de 2014, que estabelece os princípios, os requisitos e as responsabilidades gerais relativas à rotulagem dos alimentos. O Parlamento Europeu e o Conselho da União Europeia, ao editarem o novo regulamento, ressaltaram a importância de garantir uma aplicação racional e coerente das diretivas sobre a rotulagem de produtos alimentícios, atendendo aos interesses do mercado interno, ao simplificar a legislação, garantir a segurança jurídica e reduzir a carga administrativa, e, por outro, os interesses dos cidadãos, ao prever a obrigatoriedade de rótulos claros, compreensíveis e legíveis para os alimentos.
    Reconhecer os regulamentos desse mercado e aplica-los aos produtos produzidos por empresas brasileiras caracteriza-se como um dos elementos chaves para a melhoria da capacidade dos fabricantes nacionais para exportar seus produtos e é, portanto, um conhecimento estratégico para profissionais que desejam atuar nos departamentos responsáveis pela Exportação de Produtos Alimentícios.

  • A Quem se Destina

    Profissionais que atuam, ou pretendam atuar, com Exportação de Produtos Alimentícios para o Mercado Europeu, tais como, Médicos Veterinários, Engenheiros de Alimentos, Nutricionistas, Farmacêuticos, Biomédicos, Empresários, Consultores entre outros. Indicado, também, a docentes e estudantes dos cursos de graduação das áreas citadas.

  • Competências Desenvolvidas no Egresso

    Ao término do curso, o profissional será capaz de:

    • Compreender as Normas sobre Rotulagem de Produtos Alimentícios vigentes no Mercado Europeu;
    • Contribuir para a adequada rotulagem de produtos alimentícios destinados à exportação para o Mercado Europeu.
  • Programa do Curso

    Componentes Curriculares Carga Horária
    Introdução ao Mercado da União Europeia (UE) de Alimentos Industrializados: Tamanho e Características do Mercado Alimentício; Tendências e Hábitos de Consumo de Alimentos; Visão Geral da Legislação para Alimentos na UE: Níveis, Tipos e Caráter da Legislação.  2h
    Aspectos Fundamentais da Regulamentação de Rotulagem de Alimentos na UE (13 de dezembro de 2014): Definições; Princípios Gerais da Informação; Requisitos Gerais Relativos à Informação e Responsabilidades das Empresas; Informações Obrigatórias; Informações Voluntárias.  6h
    CARGA HORÁRIA TOTAL 8h

    É uma prerrogativa institucional, inverter disciplinas, assim como substituir docentes, de acordo com a construção do calendário, respeitando a carga-horária total do curso. Nestes casos, os alunos serão informados com antecedência.

  • Dias e Horários

    Turma SP/EAD Telepresencial
    Terça-Feira (18h30 às 22h30) Aulas semanais.

     


    Coordenação

    Maria Eugênia Carvalhaes Cury
    Farmacêutica, graduada pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUCCAMP). Mestre em Educação do Ensino Superior pela Faculdade de Educação da PUCCAMP. Especialista em Planejamento e Gerenciamento em Saúde pela Faculdade de Ciências Médicas da PUCCAMP. Especialista em Atenção Farmacêutica – Formação em Farmácia Clínica pelo Instituto Racine. Possui quinze (15) anos de experiência em docência, atuando como professora e Coordenadora do Curso de Ciências Farmacêuticas da PUCCAMP, cinco (05) anos como farmacêutica da Secretaria de Saúde da Prefeitura de São Paulo, sete (07) anos como Gerente Geral de Monitoramento de Produtos Sujeitos à Vigilância Sanitária na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). É Assessora Técnica do Conselho Nacional de Saúde e atua como Coordenadora de Cursos e no Desenvolvimento de Projetos Educacionais no Instituto Racine.


Facebook
LinkedIn
Instagram