Topo Páginas CEC

Farmacovigilância em Pesquisa Clínica de Medicamentos

O curso tem como objetivo desenvolver profissionais para atuação nas atividades de monitoramento de eventos adversos durante o período de realização de ensaios clínicos de medicamentos em seres humanos.

Presencial EAD Turma Data
São Paulo (SP)
Sede do Instituto Racine
Via Internet – Telepresencial 03 e 04/Fevereiro/2018

.

Valores e Forma de PagamentoClique Aqui e Faça sua Inscrição Online

  • Perfil Profissional / Mercado de Trabalho

    As pesquisas clínicas são estudos realizados com seres humanos com o objetivo de medir os parâmetros de segurança e eficácia de novos medicamentos, sendo este processo essencial para a chegada de novas alternativas terapêuticas no mercado.
    Durante as Fases da Pesquisa Clínica, todo evento adverso ocorrido deve ser identificado, investigado e relatado para preservar a segurança dos pacientes e para determinar se o medicamento pesquisado é seguro e eficaz para ser disponibilizado para a população. A realização, portanto, de Farmacovigilância durante as Etapas da Pesquisa Clínica é de fundamental importância para a detecção, confirmação e/ou identificação de eventos adversos.
    Com a intensificação da procura pelo Brasil como local para execução de ensaios clínicos, a expectativa é que o segmento cresça no país nos próximos anos e se expanda entre as empresas multinacionais e de capital nacional, o que demandará profissionais capacitados para assegurar que a avaliação dos eventos, que podem representar um risco inaceitável ao pacientes, seja realizada em tempo hábil, utilizando-se procedimentos padronizados em conformidade com a legislação vigente.

  • A Quem se Destina

    Profissionais da saúde, em especial Farmacêuticos, Médicos, Biomédicos, Enfermeiros, entre outros, que desejam atuar na Área da Pesquisa Clínica de Medicamentos com Seres Humanos, e outros rofissionais, como Biólogos e Químicos. Indicado, também, a docentes e estudantes de cursos de graduação e de pós-graduação, e para demais profissionais que desejam conhecer melhor esta área de atuação.

  • Competências Desenvolvidas no Egresso

    Ao término do curso, o profissional será capaz de:

    • Conhecer os aspectos regulatórios pertinentes à Farmacovigilância durante a realização de Estudos Clínicos com Medicamentos;
    • Detectar e Avaliar os Eventos Adversos, manifestados durante a investigação, em tempo hábil;
    • Atuar na atividade de coleta, avaliação e comunicação de Eventos Adversos ocorridos durante os Ensaios Clínicos.
  • Programa do Curso

    A Farmacovigilância em Pesquisa Clínica no Brasil: Aspectos Históricos, Conceituais e Regulatórios 04h
    Processo de Coleta, Avaliação e Classificação (Gravidade, Causalidade e Seriedade) de Eventos Adversos Durante a Realização de Ensaios Clínicos. 04h
    Fluxo de Relato e Submissão à Autoridade Reguladora; Estudo de Casos. 08h
    CARGA HORÁRIA TOTAL 08h

     


    Atividades Práticas

    O curso inclui a discussão de Estudo de Casos de Eventos Adversos em Pesquisa Clínica, em sala de aula, com o objetivo de preparar o profissional no processo de avaliação, classificação e formulação do relato destes eventos para submissão à Autoridade Regulatória.

  • Dias e Horários (GMT – 03H00) Brasília

    Turma Presencial (SP) / EAD Periodicidade
    Sábado (09h00 às 18h00). Domingo (08h00 às 17h00).  Um Final de Semana

    Conforme a construção do calendário, as aulas podem ocorrer em período integral ou parcial.


    Coordenadora

    Maria Eugênia Carvalhaes Cury
    Farmacêutica, graduada pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUCCAMP). Mestre em Educação do Ensino Superior pela Faculdade de Educação da PUCCAMP. Especialista em Planejamento e Gerenciamento em Saúde pela Faculdade de Ciências Médicas da PUCCAMP. Especialista em Atenção Farmacêutica – Formação em Farmácia Clínica pelo Instituto Racine. Possui quinze (15) anos de experiência em docência, atuando como professora e
    Coordenadora do Curso de Ciências Farmacêuticas da PUCCAMP, cinco (05) anos como farmacêutica da Secretaria de Saúde da Prefeitura de São Paulo, sete (07) anos como Gerente Geral de Monitoramento de Produtos Sujeitos à Vigilância Sanitária na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Atua como Coordenadora de Cursos e no Desenvolvimento de Projetos Educacionais no Instituto Racine.

Farmacêuticos regularmente inscritos no CRF-AL
têm 25% de desconto nas parcelas deste curso.