fbpx

Topo Páginas CEC

Procedimentos Seguros Frente a Situações de Urgência e Emergência

Foco em Procedimento de Coleta de Sangue

O curso tem como objetivo capacitar profissionais da área da saúde para o atendimento inicial de pacientes frente às principais situações de urgência e emergência que podem ocorrer dentro de uma unidade de coleta de sangue para análise de exames laboratoriais e auxiliar os profissionais a desenvolverem um plano de implementação de melhorias na estrutura física, de equipamentos e nos protocolos para o atendimento inicial destas intercorrências.

Presencial Semipresencial Turma Datas
das Aulas
São
Paulo (SP)
Via
Internet + Encontro Presencial

Aula Prática Presencial de Atendimento de Urgência e
Emergência
08/Abril/2020

Aulas (Datas Previstas): 08, 15, 22/04 e 23/05/2020 (Aula Presencial).

Valor e Formas de Pagamento Clique Aqui e Faça sua Inscrição Online

  • Perfil Profissional / Mercado de Trabalho

    Dentre as principais situações de urgência e emergência que podem ocorrer durante a fase de coleta de sangue em unidades de exames laboratoriais destacam-se: síncopes, hipotensão postural, hemorragias, convulsões, hipoglicemias, traumatismos, acidente vascular cerebral (AVC), infarto agudo do miocárdio (IAM) e Parada Cardiorrespiratória, sendo que, dentre todos estes eventos adversos, a parada cardiorrespiratória (PCR) é considerada uma intercorrência de alto grau de complexidade, exigindo da equipe multidisciplinar rapidez, efetividade, habilidade técnica e conhecimento científico, além de uma estrutura adequada para o atendimento inicial do paciente acometido.

    Este atendimento inicial visa à prestação de uma assistência especializada até a chegada de ajuda do médico e do enfermeiro, devendo ser focada, não apenas no dano físico, mas também no suporte psicológico, em função do caráter traumático que acompanha um evento desta natureza.

    Considerando que a coleta de sangue pode ocorrer em ambientes extra-hospitalares, tais como: laboratórios, clínicas e domicílio, onde os cuidados intensivos não estão disponíveis, é muito importante que os profissionais que realizam coletas estejam capacitados para prestar o primeiro atendimento aos pacientes. Além disso, é importante conhecer os materiais e equipamentos mínimos necessários para a manutenção da vida destes indivíduos até a chegada da assistência especializada e para contribuir para que o transporte ao hospital de referência possa ser realizado com segurança.

  • A Quem se Destina

    Profissionais que atuam ou pretendam atuar na área de laboratório, tais como, biomédicos, farmacêuticos, biólogos, enfermeiros, médicos, gestores, consultores, dentre outros profissionais da área da saúde que desejam ampliar seus conhecimentos sobre o tema. É, também, indicado a docentes e estudantes dos cursos de graduação das áreas citadas.

  • Competências Desenvolvidas no Egresso

    Ao término do curso, o profissional será capaz de:

    • Compreender o conceito de urgência e emergência;
    • Compreender os fatores de risco e o perfil dos pacientes mais susceptíveis a ocorrência de situações críticas;
    • Entender o conceito de síncope, hipotensão, hemorragia, convulsão, hipoglicemia, trauma, acidente vascular cerebral (AVC), infarto agudo do miocárdio (IAM), parada cardiorrespiratória (PCR) e os elos da cadeia de sobrevivência;
    • Compreender e Aplicar os algoritmos de atendimento internacionais de suporte básico de vida (SBV);
    • Compreender os riscos ocupacionais durante o atendimento das urgências e emergências;
    • Conhecer a estrutura mínima necessária para o atendimento do paciente em PCR;
    • Saber quais são itens necessários para a manutenção destes pacientes e como utilizá-los adequadamente até a chegada do suporte especializado.

     

  • Dias e Horários

    Turma Presencial (SP) 
    Aulas Semanais (Presenciais/Presenciais Transmitidas ao Vivo): Quartas-Feiras (18h30 às 22h30).
    Um Encontro de Final de Semana (Presencial Obrigatório): Sábado (09h às 13h)

    Docente Responsável

    Wagner de Aguiar Júnior
    Enfermeiro. Doutorando em Enfermagem pelo Programa de Pós-graduação em Saúde do Adulto da Universidade de São Paulo. Mestre em Ciências da Saúde pela Universidade Federal de São Paulo. Especialista em Enfermagem em Terapia Intensiva pelo Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo. Instrutor dos Cursos de Suporte Avançado de Vida em Cardiologia – ACLS e Suporte Avançado de Vida no Trauma para Enfermeiros – ATCN. Membro do Núcleo de Via Aérea Difícil do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Membro da Diretoria da Associação Brasileira de Enfermeiros de Centro Cirúrgico, Recuperação Anestésica e Centro de Material e Esterilização. Atualmente, atua no Centro Cirúrgico do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo. Docente do Instituto Racine.


    Coordenação

    Suzimara Aparecida Vicente Tertuliano de Oliveira
    Enfermeira, com Habilitação Médico-Cirúrgico e Licenciatura pela UNIARARAS – Fundação Hetmínio Ometto. Possui mais de 30 anos de experiência como Gestora de Enfermagem da Divisão de Laboratório Central do Hospital das Clínicas Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Foi Coordenadora de Enfermagem do Laboratório do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (ICESP). Possui certificação Green Belt Lean Six Sigma. Auditora em Sistemas de Gestão da Qualidade: ISO 9001: 2008, ISO 14001: 2004, OHSAS 18001:2007, Organização Nacional de Acreditação (ONA), Programa de Acreditação em Laboratório Clinico (PALC), Programa de Acreditação do College of American Pathologists (CAP). Integrante do comitê de qualidade da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica / Medicina Laboratorial. Consultora para projetos em Patologia Clínica, Gestão Laboratorial e Gestão da Qualidade. Consultora em pré-analítico na Medicina Laboratorial e Sócia fundadora da Empresa Suzimara & Sarahyba. Coordenadora de Cursos e Docente do Instituto Racine.


    Parceira Institucional


Facebook
LinkedIn
Instagram