fbpx

Cursos de Pós-Graduação

Curso de Aperfeiçoamento em Hemoterapia para Farmacêuticos

Foco na Resolução Nº 673/2019 Conselho Federal de Farmácia (CFF)

O Curso tem como objetivo capacitar farmacêuticos em Hematologia e Hemoterapia para exercer atividades de planejamento, coordenação, supervisão e execução de ações desenvolvidas em Hemocentros Nacionais e Regionais bem como em Serviços Hemoterápicos Hospitalares, Agências Transfusionais e Assistência Hemoterápica.
O curso tem como diferencial atender à Resolução Nº 673, de 18 de setembro de 2019, do Conselho Federal de Farmácia, que dispõe sobre as atribuições e competências do farmacêutico em serviços de hemoterapia e/ou bancos de sangue.

Presencial / Presencial Transmitida ao Vivo Turma Início das Aulas
(Aulas Presenciais + Aulas Transmitidas ao Vivo + Aulas Gravadas) 01 29/Março/2021
Dias e Horários (GMT – 03h00) Brasília
Aulas Semanais Segunda-feira (18h30 às 22h30)
06 Encontros aos Finais de Semana Sábado (09h00 às 18h00)
Domingo (08h00 às 12h00)

Valor e Formas de Pagamento Inscrição Online (Brasil) Inscrição Online (Internacional)

  • Perfil Profissional / Mercado de Trabalho

    A Hemoterapia é um tratamento especifico de doenças e condições clínicas com o uso do sangue humano (seus componentes ou seus derivados). As Atividades Hemoterápicas caracterizam-se como o conjunto de ações, compreendendo, além da captação, triagem clínica e laboratorial (sorológica, hematológica, imuno-hematológica e molecular) do doador para um determinado receptor, a prática da coleta de sangue, o processamento, o controle, o armazenamento, a distribuição e orientações pré e pós-transfusão, com finalidade terapêutica ou de pesquisa. Integram, também, as atividades hemoterápicas, a supervisão e a indicação da transfusão de sangue, seus componentes e derivados, os procedimentos hemoterápicos especiais, validados pelas Normas Técnicas ou Regulamentos do Ministério da Saúde, o controle e a garantia da qualidade dos procedimentos, equipamentos, reagentes e correlatos, a prevenção de erros na transfusão de sangue, o atendimento imediato das reações adversas transfusionais, o aconselhamento das doenças hemotransmissíveis e o cuidado e a orientação ao doador.
    Caracterizada como uma área de ação multiprofissional, o Farmacêutico deve integrar-se à equipe multiprofissional nos diversos serviços de saúde nos quais são implantadas as atividades hemoterápicas. Ao editar a Resolução nº 673/2019, o Conselho Federal de Farmácia – CFF dispõe sobre as atribuições e competências do farmacêutico em serviços de hemoterapia e/ou bancos de sangue, uma vez que o Decreto Federal nº 85.878/81 estabelece como atribuição do farmacêutico as atividades de direção, assessoramento, responsabilidade técnica e desempenho de funções especializadas exercidas em órgãos, empresas, estabelecimentos, laboratórios ou setores em que sejam preparados ou fabricados produtos derivados do sangue, respeitadas as modalidades profissionais, ainda que não privativas ou exclusivas. A Resolução/CFF nº 279/1996 ratifica a competência legal do farmacêutico para atuar profissionalmente e exercer chefias técnicas e direção de estabelecimentos hemoterápicos.
    Portanto, os serviços de hemoterapia configuram-se como sistemas complexos, de alta vigilância e fortemente regulamentados devido à natureza dos procedimentos de cuidados à doadores e à pacientes e das atividades de produção de agentes terapêuticos injetáveis com uso de inúmeros insumos, equipamentos e tecnologias diversificadas, que exigem profissionais com capacitação específica para serem bem estruturados e geridos.

    A Quem se Destina

    Farmacêuticos que exerçam ou pretendam exercer atividades relativas ao Ciclo Produtivo e Assistencial do Sangue em serviços de hemoterapia. É, também, indicado para docentes de cursos de graduação em farmácia interessados na temática.

  • Competências Desenvolvidas no Egresso

    Ao término do curso, o profissional será capaz de:

    • Conhecer a Farmacologia aplicada à Hemoterapia;
    • Desenvolver as ações de Assistência Farmacêutica nos Serviços de Hemoterapia e/ou Banco de Sangue;
    • Desenvolver ações de Farmácia Clínica em Hemoterapia;
    • Conhecer o processo necessário para a produção de hemocomponentes;
    • Conhecer os aspectos laboratoriais em imuno-hematologia tais como controle de qualidade, Sistema ABO Sistema R Testes de Antiglobulina;
    • Coordenar e realizar procedimentos de hemovigilância;
    • Participar de Comitê Transfusional;
    • Participar das atividades de captação de doadores de sangue e da triagem clínica e hematológica dos candidatos à doação de sangue;
    • Participar da elaboração, implantação e monitoramento de programas de segurança de doadores, receptores e demais envolvidos;
    • Participar da elaboração, implantação e monitoramento de protocolos específicos para hemoterapia;
    • Participar da Gestão em Serviços de Hemoterapia.
  • Temas Desenvolvidos no Curso

    Programa do Curso Carga Horária
    Introdução à Hemoterapia e Gestão em Serviços de Hemoterapia: Evolução Histórica da Hemoterapia no Mundo e no Brasil; Aspectos Legais e Éticos da Hemoterapia no Brasil; Regulação Sanitária da Hemoterapia no Brasil; Gestão da Qualidade; Gestão da Informação; Planejamento dos Serviços de Hemoterapia; Estruturação Física dos Serviços de Hemoterapia; Segurança e Saúde do Trabalhador; Gerenciamento de Resíduos.
    Mesa Redonda: Desafios Atuais da Hemoterapia no Brasil.
    32h
    Fundamentos de Hematologia e Ciclo do Sangue em Serviços de Hemoterapia: Fisiologia do Sangue (Eritropoiese, Leucopoese, Trombocitopeise e Hemostasia); Aspectos Fisiopatológicos na Composição do Sangue; Indicações Clinicas da Hemoterapia (Hemofilias, Neoplasias, Hemorragias, Queimaduras, entre outras); Protocolos Clínicos para Hemoterapia; Captação, Registro, Triagem Clínica e Triagem Sorológica do Doador e Coleta de Sangue ou de seus Componentes; Preparo e Análise Laboratorial dos Hemocomponentes; Rotulagem, Armazenamento e Fornecimento – Transferência de uma Unidade de Sangue e Hemocomponentes à Responsabilidade de Outro Serviço de Sangue ou à Indústria; Produção de Hemoderivados pela Indústria. 20h
    Ato Transfusional e Hemovigilância: Tipos de Transfusão; Procedimentos Pré-transfusionais; Cuidados Durante o Ato Transfusional; Intercorrências Durante o Ato Transfusional; Cuidados Pós-transfusionais; Problemas Relacionados ao Ciclo do Sangue; Hemovigilância do Doador e do Receptor.
    Avaliação de Protocolo de Transfusão Segura de Hemocomponentes. Discussão de Casos Clínicos de Transfusões. Estudo de Casos em Hemovigilância.
    28h
    Farmacologia Aplicada à Hemoterapia: Introdução à Farmacologia das Citocinas Hematopoieticas: Conceitos de Farmacodinâmica e Farmacocinética Geral e Aplicada; Classes Farmacológicas que atuam no Sistema Hematopoiético e na Hemodinâmica (Expansor Plasmático, Anticoagulantes, Antihemorrágicos, Trombolíticos, Anti-agregantes Plaquetários, Anti-Anêmicos); Alternativas Terapêuticas à Hemoterapia/Medicamentos Utilizadas para Estimular a Hematopoiese: Fármacos que atuam como Fatores Estimulantes e Reguladores do Crescimento e Maturação Hematopoiética (Filgastrima, Eritropoietina e Trombopoetina); Indicação Clínica dos Fármacos que Atuam no Sistema Hematopoetico; Pesquisa Clínica dos Medicamentos Biológicos em Hematologia.
    Discussão de Casos Clínicos com Enfoque no Uso Fármacos Alternativos e/ou de Suporte à Hemoterapia.
    40h
    Assistência Farmacêutica em Serviços de Hemoterapia: Padronização, Pré-qualificação de Fornecedores, Programação, Seleção, Aquisição, Armazenamento, Conservação, Controle de Estoques e Distribuição de Medicamentos e Outros Produtos para a Saúde; Avaliação e Monitoramento, no Âmbito da Vigilância Sanitária, de Materiais, Equipamentos, Substâncias e Insumos Industrializados; Farmácia Clínica em Hemoterapia: Semiologia e Interpretação de Exames Laboratoriais, Acompanhamento Farmacoterapêutico do Paciente em Hemoterapia, Avaliação da Prescrição, Serviços de Apoio à Prática Clínica (Dispensação e Conciliação Medicamentosa), Farmacovigilância.
    Estudos de Casos e Discussão de Casos Clínicos.
    60h
    CARGA HORÁRIA TOTAL
    As cargas horárias das aulas poderão sofrer alterações, em beneficio da formação dos alunos, em função da necessidade de atualização de conteúdo ao longo do curso.
    180h


    É uma prerrogativa institucional, inverter disciplinas e temas de aula, substituir docentes, assim como alterar datas, de acordo com a construção do calendário e também da disponibilidade de auditórios da instituição, respeitando a carga horária total do curso. Nestas situações, os alunos serão informados com antecedência, exceto em casos fortuitos ou de força maior.

  • Método de Ensino e Aprendizagem

    O método de ensino e aprendizagem está baseado em um planejamento didático-pedagógico que congrega diversas formas de estudo para compor a carga horária total do curso. Assim, o aluno terá como desenvolver seu conhecimento a respeito dos temas constantes do conteúdo programático do curso por meio de aulas presenciais, aulas com transmissão ao vivo, aulas gravadas, exercícios dirigidos, exercícios de fixação do conhecimento, estudos de caso, materiais de leitura complementar, avaliações do conhecimento adquirido, entre outros. Essa diversidade de formas de estudo contribui para que o aluno seja um agente ativo em seu próprio aprendizado, desde que haja participação efetiva em todas as atividades propostas no projeto pedagógico do curso.
    As atividades planejadas nas aulas contribuem para a consolidação do conhecimento adquirido e permitem aos profissionais uma discussão ampla e qualificada dos estudos de caso propostos.

    Curadoria

    Sandro Jorge Januário
    Farmacêutico, graduado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Possui Habilitação em Análises Clínicas pelo Departamento de Análises Clínicas e Toxicológicas da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo. Mestre em Pesquisas Laboratoriais em Saúde Pública, pelo Centro de Virologia do Instituto Adolfo Lutz – Coordenadoria de Controle de Doenças da Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo. Especialista em Educação para o Ensino Superior e Ensino em Saúde pela Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca da Fundação Oswaldo Cruz. Doutorando em Vigilância em Saúde Pública pelo Instituto Adolfo Lutz. Vice Coordenador da Comissão de Análises Clínicas e Toxicológicas do Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo. Docente do Instituto Racine.

    Coordenação

    Maria Eugênia Carvalhaes Cury
    Farmacêutica, graduada pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Pontifícia Universidade Católica de Campinas. Mestre em Educação do Ensino Superior pela Faculdade de Educação da Pontifícia Universidade Católica de Campinas e Especialista em Planejamento e Gerenciamento em Saúde pela Faculdade de Ciências Médicas da mesma Universidade. Especialista em Atenção Farmacêutica – Formação em Farmácia Clínica pelo Instituto Racine. Possui 15 anos de experiência em docência, atuando como professora e Coordenadora do Curso de Ciências Farmacêuticas da Pontifícia Universidade Católica de Campinas, 5 (cinco) anos como farmacêutica da Secretaria de Saúde da Prefeitura de São Paulo, 7 (sete) anos como Gerente Geral de Monitoramento de Produtos Sujeitos à Vigilância Sanitária na Agência Nacional de Vigilância Sanitária. É Assessora Técnica do Conselho Nacional de Saúde e atua como Coordenadora de Cursos no Instituto Racine.

    Corpo Docente

    Os professores que integram o corpo docente dos Cursos de Pós-Graduação são titulados e/ou qualificados, congregando competências técnicas e humanistas à visão sistêmica das perspectivas socioambientais e mercadológicas das áreas em que atuam. São doutores, mestres, especialistas e/ou docentes com vasta experiência profissional.


Facebook
LinkedIn
Instagram